Terreiro recomenda furto de hóstias

 

Segunda passada, na missa das almas, às 19h, na Igreja de Santa Rita de Cássia, no Centro do Rio, o frade que comandava a comunhão desconfiou de três mulheres com marcas de rituais de candomblé nos braços, desceu do altar e foi ver se elas haviam posto a hóstia na boca.

Um bafafá se formou.

Uma delas, meu Deus, havia escondido a hóstia no… sutiã! — e, por isso, escapou da revista.

As outras duas acabaram devolvendo.

As moças cumpriam missão dada por uma entidade do terreiro que frequentam.

As três hóstias seriam usadas… num trabalho.

fonte: Jornal “O Globo” de 13 de novembro de 2011

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s